Fundada pelos romanos no século II. C. sob o nome de Fórum Livii cruzamento da rua com a estrada consular que levou à Toscana, a cidade situa-se na parte oriental do Vale do Pó ao longo da Via Emilia, a poucos quilómetros das estâncias balneares da costa do Adriático (30 km – 35) e, no sopé das colinas verdejantes da Toscana-Romagna. Forli mantém traços marcantes do período românico é tanto a Renascença, que viu a Sra. Caterina Sforza incontestado na cidade. Também é notável a presença de uma rica herança do período racionalista dos anos vinte e trinta.

Cidade de arte na época, mas não só a casa de um importante centro universitário com prestigiada faculdade, o aeroporto “Ridolfi” ligado a aeroportos nacionais e internacionais, um centro multiuso em importância regional, a Fábrica de Velas, dedicado à criatividade e formação para os jovens.

Exemplo típico de uma cidadela medieval Bertinoro, dominando uma paisagem impressionante onde a vista se estende até o mar. E ‘considerada a “cidade de hospitalidade” para a tradição da coluna pelos doze anéis, cada um correspondendo a uma das antigas famílias, nomeados para sediar o estranho, vindo, nós amarramos o cavalo.

Ao longo do vale do rabino atende Predappio, rodeado por vinhas que produzem Sangiovese Doc. Ampliado entre os vinte e quarenta do século XX, parece uma verdadeira “cidade museu”, o testemunho original dos estilos arquitetônicos e urbanos do racionalismo.