Cilento, terra de colinas suaves, coberto com oliveiras cinza verde, que é refletido no azul do mar Tirreno e, ao mesmo tempo, a terra de morfologias muito ásperas profundamente entalhadas por riachos animados, lua raie, florestas de castanheiros e carvalhos, aldeias agarrados às rochas ou deitados nos bancos. Poucos imaginam que determinar isso fresco, feito de formas e cores marcantes aparentemente em contraste com tanto a natureza dual das rochas geológicas que compõem o Cilento: o da “Flysch del Cilento”, que tem seu pico no hydrogeographical doca Rio Alento e as principais montanhas do Cilento ocidental, como o Monte Centaurino (1.433 m), ea do “calcário” que compõem o interior complexo montanhoso (alburno-Cervati) e no sul (Bulgheria, Monte Cocuzzo) do Parque Nacional Cilento e Vallo di Diano. Os derivados de paisagens que pode ser reconhecido por as morfologias geralmente doces e para o aumento da árvore presença do Mediterrâneo.